segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Hoje ....... estou inaugurando este blog , e , cansei de guardar tanta coisa em mim , que as vezes penso e sinto, NÃO SEI POR ONDE COMEÇAR !!!!!!! Como o nome dele e POR AMOR , acho que devo começar por SAUDADE ...... palavra que só existe em português , e que e tão linda as vezes ,outras triste , também , pode ser motivo de alegria , quando se esta perto de encontrar o que nos faz senti-la , e ate quando pensamos de forma tão forte que parece perto apesar de longe..... muito longe , ou muito a frente .....ou muito atraz ....ou simplesmente perdida no tempo , pouco importa , onde esteja , hoje e sempre a saudade e fato , inequívoco , irrefutável , capaz de nos carregar para bem longe ou bem perto , de nos levar ao impossível , e transforma-lo no algo mais possível do mundo , nem que seja por algum tempo , que dure apenas um milessimo de segundo , ela esta ali , e vamos senti-la , pois neste milessimo de segundo vai durar uma eternidade. E isso , POR AMOR tudo ocorre , acontece simplesmente , e , e sempre será , nada pode mudar isso , que chega a ofuscar o sol , e nos faz contar estrelas , tão perfeito e tão puro que , e inatingível , apoteótico e invuneravel e tudo que há mesmo que não estejas aqui e agora ......estas e simplesmente ficara no sempre de cada olhar lembrado , cada toque ..... cada minuto sentido. E como a letra de uma das minhas 273 musicas , que o titulo e saudade ...... e diz ..... Caminhei pela madrugada noite iluminada a te procurar , e sonhei meu sonho mais lindo , neste mundo infindo ,pra te encontrar , e agora eu vivo da saudade medo ou liberdade de de novo amar , e eu sei , que o impossível e tocar teu rosto ,e te abraçar , mas também sei que ainda te amo e que essa saudade sempre vou guardar ........ vou sim numa caixinha de cristal .... com todas as rosa vermelhas do mundo , pois assim poderei quando quiser sentir teu sabor ..... teu corpo......teu aroma......teu SER ..... e tão intenso será que nem mesmo quando se por acaso estivemos juntos terá sido tão sentido quanto agora ou sempre , pois não depende de coisas como espaço ou tempo , muito menos de distancias a serem transpostas , pois já estamos ali ou aqui , sabe em qualquer lugar onde o possamos sentir o sol beijando as nossas almas.

Pedro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário