quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

VITRINES !!! LETRA MUSICA VOZ E VIOLÃO












QUANDO AO ANDAR PELAS RUAS
AO OLHAR AS VITRINE AQUI 
REFLETIAM A IMAGEM SÓ TUA 

TUDO E QUALQUER PASSO POR ONDE O AMOR 
TE ENCONTREI E EM TEUS BRAÇOS FIQUEI 
A BEIJAR-TE QUAL UM BEIJA FLOR 

DOCE COMO TINHA QUE SER NOSSAS VIDAS
TÃO REPLETA E TÃO SIMPLES QUERIDA 
SÓ SONHAR E VIVER !!! NO QUER SE LAPIDA 

QUAL PEDRA RARA DE UM SIMPLES MORTAL 
QUE A COLHE NO FUNDO DE UM RIO 
E SE ESMERA AO  BRILHAR !!! DE UM VAZIO !!!

QUANDO O AMOR ME ENCONTROU DE VERDADE 
NÃO HAVIA LUGAR NEM CIDADE 
NEM  O MAR ME CONTINHA !!! TAMANHA FELICIDADE 

POIS VIVER !!!  SÓ ME RESTA DE TUDO 
ESQUECER-TE NÃO POSSO !!! É ABSURDO 
POIS TE  AMAR !!! É FALAR SENDO MUDO !!!


AMADOS ESTA É A  MINHA TERCEIRA CANÇÃO DE HOJE !!! MAIS UMA REVERÊNCIA AO MEU AMOR !!! COM CARINHO Pedro Pugliese

2 comentários:

  1. Boa tarde, Pedro. Quando o amor nos encontra, tudo fica pequeno demais, nosso corpo parece que não irá se conter, a nossa alma se expande e cada vez mais o nosso sorriso se agiganta.
    Como é bom amar e ser amado.
    Parabéns pelas inspirações.
    Tudo de bom!
    Beijos na alma e paz!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PATRICIA !!! NA VERDADE O AMOR É UMA DOCE E ETERNA SURPRESA !!! QUE NOS CHEGA !!! NÃO PEDE LICENÇA !!! E VAI ENTRANDO EM NOSSO CORAÇÃO !!! DE UMA FORMA TÃO LINDA E LEVE QUAL UMA BRISA DO MAR !!! E NO MAIS PROFUNDO DE UM OCEANO AZUL !!! LÍMPIDO E CRISTALINO SE REALIZA !!! A GRANDEZA DE UM AMOR NÃO SE MEDE !!! POIS É INFINITO !!! OBRIGADO POR TEU GENEROSO CARINHO E COMENTÁRIO !!! UM BEIJO GRANDE E GRATO !!! PAZ A TI TAMBÉM AMIGA !!! Pedro Pugliese

      Excluir