domingo, 12 de agosto de 2012

LÁ DO INFINITO















No silêncio lá  das  estrelas
Brilha  o  seu  coração em  mim
No sutil  do  meu  pensamento
Ele bate por  você sim

Corre aflito ao  meu  encontro
Como  fosse  me  perder
Mas é  claro  é  impossível
Deixar  de  pensar em  você

Te  encontro em  tudo  mesmo
Como  se  estivesse  aqui
De uma  janela me  observando
Do  infinito até  eu  dormir

Como simples  mortal  me encerro
Com  meus  olhos  a  te  pedir
Volta  logo  pra  minha  vida
Não  demora  posso partir

Cada  dia  a  cada passo
Sinto  a  vida  me  faltar
Sinto  como lá  do  espaço 
Fosse eu  te  olhar

Como  estrela que  te  espera
No  cingir do céu 
Brilha  o  meu  coração  agora
Sonha  a estrela  que  te perdeu


Acabo de  compor  e  registrar no CCB esta música ... quando  chego de um  pequeno  retiro !!! 

Pedro Pugliese

2 comentários:

  1. Linda letra sei que tudo que fazemos com amor, se prospera
    As estrelas elas sempre estão ali de dia de tarde e de noite ..são únicas e tem beleza infinita..assim é um coração que ama eternamente.

    Uma poesia para este momento de fé e esperança



    Pode a luz de seus olhos clarear
    o caminho mais escuro e ainda assim cegar-me
    e abortar o intento de encontrar-te?
    Pode tua voz guiar-me para o desejo
    mais proibido e sem dor,
    esfriar-me em um suspiro?
    Pode seus gestos, incentivar minha conquista,
    mais em completa abordagem cambalear e cair
    ao vazio de seu destemor e morrer prematuramente?
    Você e eu podemos?
    Um sim e um não,
    um sentimento traiçoeiro
    que se divide em dois,
    sonhando que te tenho e não a tenho?
    Sentindo esse jogo perverso que sacode o meu corpo gota a gota e
    envenena o naufrágio do temor
    no mar de seu silêncio?
    E como um tolo eu, abandono o orgulho
    na esperança de chegar à teus lábios,
    e concluir a minha respiração em um beijo.
    E, no entanto,
    infelizmente,
    eu não entendo mesmo nada.

    Tenha Pedro muita paz,serenidade e paciência pois de alguma forma só os vitoriosas conquistam
    o espaço das estrelas.

    Um beijo carinhoso

    Rachel Omena

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raquel minha querida ... me deixastes sem palavras seu comentário trazendo junto esta linda poesia ...de sentimentos tão intensos e lindos me levaram realmente a fitar os Andes cá da minha pequena estatura ... és realmente um anjo um lindo anjo bom ...que me impulsiona a expor tudo que sinto ...pois exite alguém que escuta com o coração . Obrigado por tudo viu ...te gosto Pedro Pugliese

      Excluir